VOCAÇÃO E FORMAÇÃO DE UM SALVATORIANO

VOCAÇÃO E FORMAÇÃO DE UM SALVATORIANO

O Caminho Vocacional Quando pensamos em “caminho vocacional” somos chamados a um “olhar para...

Beatificação de Padre Jordan

Beatificação de Padre Jordan

“Ó JESUS, Ó SALVADOR, Ó AMADO DE MEU CORAÇÃO, FAZE COM QUE EU ME UNA A TI POR TODA A...

SEMANA JOVEM PAROQUIAL 2020

SEMANA JOVEM PAROQUIAL 2020

  Esse é um convite para você jovem e toda a sua família! Participe da Semana Jovem...

Histórias de fé e superação em meio a Pandemia

Histórias de fé e superação em meio a Pandemia

1º depoimento – Ricardo e Tatiane “A maior dificuldade foi se manter em Isolamento dentro da...

VIGÍLIA SEMANA JOVEM

VIGÍLIA SEMANA JOVEM

  Ambientação: Preparar um local para oração, um altar, velas, bíblia, terço e...

Nossa Paróquia está de braços abertos para te receber

Endereço: Rua: José Rabelo Portella, 2240 - Vila Popular - Várzea Paulista/SP

HORÁRIOS

Nossa Paróquia está de braços abertos para te receber

Endereço: Rua: José Rabelo Portella, 2240 - Vila Popular - Várzea Paulista/SP

HORÁRIOS

Pastoral da Catequese

Dicas para compreender ...

Os filhos crescem e o pais precisam compreender como lidar com eles nesta nova fase Como os pais querem que os filhos cresçam! Eles acreditam que vão poder ter mais tempo para si. ...

Catequese do Crisma de Jovens .

O Sacramento da Crisma

Crisma é o sacramento que, conferindo os dons do Espírito Santo em plenitude, inaugurado no batismo, põe o fiel no caminho da perfeição cristã e assim o faz ...

Catequese Eucarístico - 2

Sacramento da Eucaristia

Eucaristia é o sacramento que contém, sob as espécies do pão e do vinho verdadeiro, real e substancialmente presente o Corpo, o Sangue, a Alma e a Divindade de Nosso ...

Artigos

Meu espelho

Ser pai é ter um filho. Nem sempre! Ser pai é muito mais que isto, pode ser também criar um filho que não tenha gerado, pode ser pai duas vezes quando se é avô, o pai na verdade é aquele que cria. ...

Artigos

Paróquia: uma nova ...

Os últimos dias tem se mostrado desafiadores. O novo Coronavírus (COVID – 19) trouxe, além de desolação e confusão, diversos dilemas e ...

Artigos

Campanha da Fraternidade ...

A Campanha da Fraternidade 2020, cujo tema é “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10, 33-34). A ...

Pastoral da Liturgia

Carta do Bispo a todos ...

Neste final de semana nosso Bispo diocesano Dom Vicente Costa enviou uma carta de agradecimento pela participação de toda a diocese na linda celebração festiva em ...

Pastoral da Catequese

Dicas para compreender ...

Os filhos crescem e o pais precisam compreender como lidar com eles nesta nova fase Como os pais querem que os filhos cresçam! Eles acreditam que vão poder ter mais tempo para si. ...

Pastoral da Comunicação - PASCOM

5º Encontro Nacional da ...

Em Aparecida, agentes da Pascom refletem sobre Comunicação e Liturgia Os agentes da Pastoral da Comunicação de todo o país reuniram-se em Aparecida durante o ...

Artigos

Campanha da Fraternidade 2020, cujo tema é “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e o lema...
O 1º Congresso Nacional da Família Salvatoriana realizado nos dias 28 a 30 de abril, no Centro...
Ser pai é ter um filho. Nem sempre! Ser pai é muito mais que isto, pode ser também criar um filho que...
Deus criou a todos por amor e para o amor. Todos os seres humanos foram criados à imagem e...
Contrariando o prognósticoTestemunho de amor e fé que leva a esperança. Mais uma graça alcançada por...
Os últimos dias tem se mostrado desafiadores. O novo Coronavírus (COVID – 19) trouxe, além de...

Os filhos crescem e o pais precisam compreender como lidar com eles nesta nova fase

Como os pais querem que os filhos cresçam! Eles acreditam que vão poder ter mais tempo para si. Adeus fraldas, mamadeiras, brinquedos pela casa e tranqueiras. Doce ilusão! Quando chega a adolescência, sentem falta dos tempos em que os filhos eram crianças, porque, com os adolescentes, as relações são mais complicadas, o controle é mais difícil de ser exercido e as preocupações aumentam quando eles estão fora de casa.

É comum, nesta fase, os filhos se ligarem mais aos amigos e se afastarem dos pais, mas alguns querem lutar contra isso. Neste momento, a importância é não perder o vínculo e a confiança neles. Os limites são importantes, mas precisam ser negociados numa conversa franca e com paciência, para explicar os porquês e as regras.

Dicas para compreender filhos adolescentes


A grande dificuldade dos pais é ver os filhos cometendo os erros que eles já vivenciaram. Algumas vezes, conseguem evitar alguns erros, porque os filhos assimilam a experiência dos pais. Entretanto, em outras circunstâncias, é preciso deixá-los “quebrar a cara” para aprenderem, pois faz parte do processo de crescimento. Muitas vezes, é importante criar momentos para certas conversas, talvez num restaurante, numa caminhada ou em momentos de lazer. Se possível, evite conversar nos momentos de mau humor tanto dos pais quanto dos adolescentes. Concordam que fica mais difícil um acordo?

Nesse período de crescimento, existe uma forte luta de poder: os pais querendo saber tudo da vida dos filhos, e estes, por seu lado, querendo autonomia para viver. O segredo é haver respeito mútuo e manter aberto o canal do diálogo. Cobranças precisam acontecer a partir das regras estabelecidas, sendo que algumas precisam ser bem trabalhadas, pois, entre outras questões, muitos não sabem o impacto da falta de estudo na sua vida, ou do uso indevido de bebida ou relacionamento com amigos inadequados.

Entretanto, acima das regras, a forma de cobrar faz toda a diferença. Cuidado com os exageros na cobrança! O afeto é a liga para que as relações não se deteriorem pela pressão. O excesso de críticas por questões que não são relevantes, ilegais ou imorais, precisam ser repensadas. A flexibilidade, quando os comportamentos são positivos, ajudam a fortalecer o aprendizado de tomada de decisão nas situações da vida.


Muitos pais têm dúvidas sobre o tamanho da liberdade a ser dada aos adolescentes. O segredo é afrouxar a corda, mas checar o que está acontecendo. Por exemplo: se o filho pedir para ir a uma festa, estabeleça as regras e as mantenha; depois, confira se ele realmente foi e com quem foi. Na volta, verifique o estado dele e se o combinado foi cumprido. Atenção: é importante entender a diferença entre acompanhar e vigiar, agir sempre às claras e não escondido, porque, se o adolescente percebe que os pais não confiam, começam a burlar as informações. Nessa fase, a cumplicidade entre pais e filhos faz toda a diferença, mas se lembre de que, antes de ser amigo, você é pai ou mãe.

Como as relações costumam ser mais estressantes, cuidado com o momento de crise, pois é quando são estabelecidos laços ou rompimentos, por causa do tipo e intensidade da reação dos pais. Teoricamente, os pais deveriam ser os mais amadurecidos. Diante de um grande problema, qual é a sua reação? O importante é o adolescente entender as consequências de seu ato e trabalhar para que ele não use a mentira como um artifício para se ver livre das consequências inerentes ao seu comportamento. Observe também se os problemas pessoais do casal ou a pressão do dia a dia influenciam suas reações diante da crise.

Uma atitude importante é não exaltar demais ou minimizar os comportamentos dos filhos, pois uma autoestima boa pode evitar que eles se coloquem em situação de risco para provar que são adultos e podem decidir sozinhos sobre a sua vida. Eles precisam aprender pelos exemplos dos pais e pelas escolhas direcionadas por professores, psicólogos e familiares.

A compreensão e a clareza de regras ajudam os pais-pilotos a navegarem melhor nessa fase; e se o ambiente familiar interno for bom, será mais fácil surfar as ondas de perigo da vida.

 

Fonte: http://formacao.cancaonova.com/familia/pais-e-filhos/dicas-para-compreender-filhos-adolescentes/

Pin It